CONSELHEIROS TUTELARES DE BELÉM ANUNCIAM PARALISAÇÃO

196471_461069817314562_1730855055_nFoi durante a Audiência Pública realizada na tarde desta terça-feira (18), no plenário da câmara de vereadores de Belém. O evento, convocado para discutir o Plano Plurianual (PPA 2014/2017) de Belém com moradores dos distritos: DAGUA, DASAC, DAENT e DABEL.
Bem no meio da Audiência, conselheiros tutelares de várias partes de Belém que estavam nas galerias, negociaram a entrada no plenário e usaram da palavra para denunciar a situação de completo abandono e falta de condições mínimas e dignas de trabalho.
“A corda, Senhor Prefeito, precisamos de Condições de Trabalho”, estava escrito em uma faixa. “Conselho Tutelar de Mosqueiro pede socorro”, dizia um cartaz.
A precariedade das condições de trabalho e o péssimo estado das unidades tem sido alvo de denúncias sistemáticas da vereadora Marinor Brito (PSOL) que já reuniu com conselheiros e constatou ‘in loco’ a dura realidade enfrentada por aqueles que têm a missão de zelar pelos direitos de crianças e de adolescentes.
“Reuni com conselheiros do Outeiro ouvi várias denúncias que serão alvo de investigação do Ministério Público. Uma delas é o não cumprimento de resolução do Conanda (Conselho Nacional da Criança e do Adolescente) que estabelece mandatos de 5 anos e que no DAOUT a prefeitura insiste em manter em 2 anos. Outra denúncia foi a irresponsável desativação de quatro conselhos em Belém prejudicando centenas de crianças e adolescentes”, disse a ex-senadora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s