Uso de drogas começa antes dos 13 anos, diz IBGE

 Entre os jovens de 13 a 15 anos entrevistados nas escolas de Belém, 6,7% responderam já ter usado algum tipo de droga ilícita alguma vez na vida. 

1011924_381550335284964_2053587390_nO consumo de drogas ilícitas começa antes dos 13 anos. Foi o que apontou a segunda Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar – PeNSE 2012. revelando aumento quando comparados os números do levantamento feito em 2009. No ano passado chegou a 9,9% a proporção de adolescentes que vivem nas capitais que já experimentaram drogas ilícitas, o que equivale a pouco mais de 312 mil jovens. Em 2009 o porcentual foi de 8,7%.
A pesquisa foi feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nas capitais brasileiras. Entre os jovens de 13 a 15 anos entrevistados nas escolas de Belém, 6,7% responderam já ter usado algum tipo de droga ilícita alguma vez na vida.
A região Norte teve maior índice de iniciação prematura ao uso de drogas (5,4%) que a região Nordeste com 5%. Considerando as grandes regiões do país, o maior foi observado no Centro-Oeste, 9,3%, talvez impulsionado pelo alto índice de Brasília, 14,1%.
Diferentemente de outras pesquisas feitas pelo IBGE, o Instituto buscou garantir o máximo de realidade possível no levantamento feito junto aos jovens de 13 a 15 anos. Para isso foi entregue a eles um equipamento eletrônico para que eles próprios respondessem com privacidade sobre seus hábitos e comportamento.
Foram entrevistados 109.104 alunos do 9° ano do ensino fundamental de escolas públicas e privadas em todo País, a grande maioria (86%) com idades de 13 a 15 anos. Os resultados foram projetados para o universo de 3,1 milhões de adolescentes que estudam no 9º ano.
O consumo de cigarros nos 30 dias anteriores foi relatado por 5,1% dos escolares e 26,1% consumiram álcool no mesmo período em todo o país. Nesta situação, Belém em nada se diferencia das outras capitais do país.
Uma média de sete em cada dez adolescentes declararam já ter experimentado algum tipo de bebida alcoólica. 60,5% dos jovens belenenses declararam já ter experimentado algum tipo de bebida alguma vez na vida. Espantosamente, a maioria deste total – 63,2% contra 57,7% – é composta por meninas.

Com informações do Diário do Pará

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s