Motivos de saúde afastam a historiada Araceli Lemos (PSOL) da disputa pelo governo do Pará

ImagemEm carta endereçada à direção do PSOL e à militância partidária, nesta quarta-feira (14), a historiadora e ex-deputada, Araceli Lemos, solicitou a retirada de sua pré-candidatura ao governo do estado. A indicação de seu nome ao pleito foi apresentada por ocasião do IV Congresso realizado no final do ano passado e ratificado pelo diretório estadual. “Imperativos relacionados à saúde me obrigam a diminuir o ritmo de minha participação, por expressa recomendação médica e atendendo também ao apelo de meus familiares”, afirmou. Leia a carta na íntegra.

Companheiros e companheiras,

Na última reunião do Diretório Estadual do PSOL, realizada em fevereiro passado, fui honrada pela escolha amplamente majoritária do meu nome para encabeçar a chapa do partido na disputa do Governo do Estado. Como militante socialista e lutadora da causa da libertação de homens e mulheres da opressão capitalista, receber a confiança de nossa militância para participar das batalhas decisivas deste ano revela que minha trajetória tem o reconhecimento por parte dos que fraternalmente constroem o verdadeiro projeto de mudança no Pará e no Brasil.

Mas, neste momento, preciso comunicar que não tenho condições de levar adiante essa importante missão a mim delegada. Imperativos relacionados à saúde me obrigam a diminuir o ritmo de minha participação, por expressa recomendação médica e atendendo também ao apelo de meus familiares. Há alguns anos fui diagnosticada com diverticulose, enfermidade que se não corretamente tratada pode evoluir para um quadro de mais gravidade. Os últimos exames revelaram uma relativa piora, exigindo a adoção de tratamento incompatível com as exigências próprias e naturais de uma campanha majoritária.

Todos e todas que me conhecem sabem que não costumo assumir qualquer tarefa sem que isso represente uma doação integral e profunda. Foi assim desde os tempos de minha militância sindical no Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública (Sintepp), que tive o privilégio de presidir nos anos 1990; foi assim também em todas as campanhas eleitorais das quais participei, inclusive ao longo de meus oito anos de mandato popular e socialista na Assembleia Legislativa.

Portanto, só me resta declinar de minha pré-candidatura ao Governo do Estado, agradecendo mais uma vez a confiança e apelar para que o partido, no prazo mais curto possível, proceda à minha substituição.

Quero, nesta oportunidade, reiterar minha total confiança e identidade com a linha política aprovada pelo partido em seu IV Congresso, afirmando meu compromisso de permanecer firme na militância e no fortalecimento de nossas candidaturas, a começar pela combativa chapa presidencial composta por Randolfe Rodrigues e Luciana Genro, e, no plano estadual, estarei integrada na campanha do nome que for indicado pelo PSOL ao Governo do Estado, com especial dedicação para ver vitorioso o companheiro Edmilson Rodrigues em sua caminhada à Câmara Federal. Da mesma forma, estarei engajada para que o PSOL mantenha e amplie seu espaço na Assembleia Legislativa, o que passa pela eleição da companheira Marinor Brito a deputada estadual.

Recebam meu abraço mais carinhoso. Sigamos firmes na luta, fortalecendo o PSOL e a unidade da esquerda socialista.

Saudações psolistas,

Araceli Lemos
Membro da Executiva Estadual/PA e do Diretório Nacional – PSOL

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s